header education

Boa SAÚDE e bem-estar são vitais para o desenvolvimento, e a ADPP procura apoiar indivíduos e comunidades na prevenção e tratamento das doenças transmissíveis, de forma sistemática, e adoptar estilos de vida saudáveis.

Beneficiários directos

Escolas

Agentes Comunitários

A ADPP está a trabalhar com as autoridades e nossos parceiros em todo o país para ajudar a combater o COVID-19. Clique abaixo para ler mais sobre nossos esforços no nível da comunidade; na promoção da resiliência e adaptação, na proteção dos mais vulneráveis e em como estamos trabalhando para garantir que a educação continua

RESPOSTA À COVID-19

A MALÁRIA é prevenível, tratável e curável, mas continua a ser a principal causa de morbilidade e mortalidade em Angola. A ADPP está a contribuir para o combate através de projectos de saúde nas escolas e comunidade. Além das intervenções dedicadas à malária descritas acima, a ADPP incorpora a prevenção da malária em todos os outros projectos.

MALÁRIA

Children in a classroom with teacher

 CONTROLO COMUNITÁRIO DA MALÁRIA

Professores, alunos e ADECOS recrutados localmente juntos criaram um ambiente de conhecimentos e práticas para ajudar as pessoas a responsabilizarem-se positivamente por sua própria saúde. 9.000 famílias e 150 escolas participaram. Explorando novos caminhos para alcançar cada vez mais pessoas, o projecto criou vínculos entre o desporto e a divulgação de mensagens de saúde. Os torneios interescolares e clubes desportivos forneceram um palco para palestras e campanhas sobre malária, VIH e TB.

header education

 FÓRUM NACIONAL DE PARCEIROS CONTRA A MALÁRIA

A ADPP preside o Fórum Nacional de Parceiros contra a Malária, desde 2012. Trabalha para fortalecer a parceria público-privada com a sociedade civil e assegurar o apoio ao Programa Nacional de Controlo da Malária na implementação do Plano Estratégico Nacional.

A ADPP fornece informação e apoio prático às comunidades para ajudar na prevenção do VIH/SIDA e para garantir a adesão ao tratamento. Também cria vínculos entre indivíduos, comunidades e o sistema de saúde

VIH/SIDA

Children in a classroom with teacher

 ADERÊNCIA AO TRATAMENTO DO VIH

As mulheres grávidas seropositivas receberam o apoio prático e psicológico necessário para permanecer em tratamento e garantir que seus filhos nasçam livres do VIH, graças à presença contínua de activistas em suas vidas, por meio de telefonemas, visitas domiciliares e em sessões nas unidades sanitárias. Além disso, os activistas ajudaram pessoas de todas as idades a aderirem ao tratamento anti-retroviral enquanto mudavam atitudes e concepções sobre o VIH/SIDA.

 

header education

 PREVENÇÃO DO VIH / SIDA ENTRE AS RAPARIGAS E MULHERES JOVENS

As Bancadas ou clubes de raparigas são uma forma de atingir as raparigas e mulheres jovens com informações, conselhos e apoio em relação ao VIH/SIDA. As meninas são vulneráveis devido à falta de conhecimento da saúde sexual e reprodutiva combinada com atitudes de género enraizadas e o estigma sobre o VIH.

 

A TUBERCULOSE é uma das maiores causas de morbilidade e mortalidade em Angola, mas há pouco conhecimento sobre prevenção, sintomas e tratamento. A ADPP trabalha para aumentar a tomada de consciência, combater o estigma e organizar a resposta da comunidade.

A TUBERCULOSE

tratamento comunitário de TB em Angola

 DOT COMUNITÁRIO TB

Como parte do primeiro projecto piloto de tratamento comunitário de TB em Angola, os activistas da ADPP trabalharam com funcionários em 7 hospitais no Kilamba Kiaxi e Cazenga, acompanhando 3.228 pacientes em tratamento de TB e, simultaneamente, encaminhamento de pessoas com possíveis casos de TB, inclusive crianças, para teste. Os ativistas também disseminaram mensagens chave de prevenção na comunidade e alistaram 1.719 padrinhos designados para auxiliar na observação direta da ingestão de medicamentos.

A ADPP trabalha para aumentar o acesso à água e o SANEAMENTO BÁSICO, ambos importantes para a manutenção da saúde de todos.

ÁGUA E O SANEAMENTO BÁSICO

tratamento comunitário de TB em Angola

 AUMENTA DA RESILIÊNCIA DAS COMUNIDADES ATRAVÉS DO ACESSO À ÁGUA

Aumenta da resiliência das comunidades através do acesso à água
O projecto, implementado pela ADPP com a CODESPA e financiado pelo Instituto Camões e UE, insere-se no programa Fortalecimento da Resiliência e da Segurança Alimentar e Nutricional em Angola (FRESAN). Iniciado em 2020, o objectivo do projecto é assegurar a disponibilidade e a gestão sustentável da água para as comunidades nos municípios de Ombadja e Curoca, Cunene.

Os resultados esperados são:

  • 39 Comunidades aumentaram o acesso à água e estabeleceram uma gestão participativa e sustentável da água.
  • 18 fontes de água existentes reabilitadas ou melhoradas e 24 fontes novas de água criadas;
  • 39 pequenos sistemas de distribuição reabilitados ou criados
  • 36.000 pessoas atingidas; 60% mulheres e 40% homens participaram nas acções
  • 10 hectares com um sistema de irrigação gota-a-gota
  • 900 (90%) de agricultores adoptaram técnicas novas
  • 18 novos bebedouros para o gado construídos e 2 hectares de pastos adicionais
  • 4.200 famílias melhoraram as suas práticas de higiene e nutrição

CRONOGRAMA

2021
Testagem de Caso Índice e Ligação de Tratamento

2020
Resposta a Covid-19

2019
Rádio Cuvelai

Segurança Rodoviária

2018
Prevenção de VIH em 6 Províncias

2013
Saúde Sexual e Reprodutiva: 12 províncias

Controlo Comunitário da Malária, VIH e TB

2009
Educação para a Nutrição

AS METAS GLOBAIS

Reduzir a Mortalidade Materna

Acabar com Todas as Mortes Preveníeis em crianças abaixo dos 5 Anos

Acesso Universal a Cuidados Reprodutivos

Combater as Doenças Transmissíveis

NOTÍCIAS E HISTÓRIAS

  • Todos Sectores
  • Saúde
  • VIH/SIDA
  • Default
  • Title
  • Date
  • Random
Mostre mais hold SHIFT key to load all load all